Diferença entre Wordpress.com e Wordpress.org | Que se Ame

Diferença entre wordpress.com e wordpress.org, wordpress, wordpres.com, wordpres.org, wordpress .com ou .org, wordpress.com ou wordpress.org

Uma das dúvidas que ainda vejo muitas pessoas fazendo confusões é sobre a diferença entre o WordPress.com e o WordPress.org. Eu mesma tinha muitas dúvidas há um tempo atrás, antes de migrar do blogger para o wordpress. E hoje vejo que muitas pessoas ainda acham que eles são iguais ou nem sabem que existem dois tipos de wordpress! E isso pode gerar alguns transtornos dependendo de qual será o seu objetivo com seu blog.

Para começar, o WordPress.com e o WordPress.org são duas coisas completamente diferentes. Apesar de ambos serem o mesmo CMS (Content Management Systems, que significa Sistema de Gerenciamento de Conteúdo), eles possuem características muito diferentes e cada um possui suas vantagens e desvantagens. E nesse post eu vou tentar esclarecer as principais diferenças entre eles para que você decida qual é a melhor para você e seu blog. Também já fiz um post falando sobre as principais diferenças entre o wordpress e o blogger! rs

Diferença entre wordpress.com e wordpress.org, wordpress, wordpres.com, wordpres.org, wordpress .com ou .org, wordpress.com ou wordpress.org

Sobre o WordPress.com

O WordPress.com é uma plataforma da empresa Auttomatic, baseado no software WordPress e oferece um serviço gratuito de hospedagem de blogs. Qualquer pessoa pode criar sua conta com seus dados básicos, escolher um endereço para seu blog no formato seublog.wordpress.com (também é possível pagar por um domínio próprio no formato www.seublog.com.br na versão gratuita) e começar a usar. Assim, bem simples e sem pagar absolutamente nada na versão free. O grande porém do WordPress.com se dá em relação a customização do seu layout, que é bastante limitada, e ao espaço disponível que é de apenas 3 Gb na versão gratuita. Para quem quer criar um blog com muitas imagens isso acaba se tornando um problema em pouco tempo.

O site fornece mais dois planos pagos para upgrade que oferecem mais espaço e templates premium, mas mesmo assim você ainda fica bastante limitado as customizações. No WordPress.com não é possível, por exemplo, que você contrate um designer para criar um layout totalmente customizado, não vai poder mexer na programação dos templetes free e também não poderá instalar plugins. Alguns temas premium permitem um pouco mais de personalização, mas ainda assim bastante limitado.

Vantagens do WordPress.com
  • Atualização automática do wordpress;
  • Extremamente fácil de usar, não exige nenhum tipo de conhecimento em programação;
  • É difícil ter problemas de instabilidade no site, pois seu blog fica alojado em vários servidores;
  • Você consegue criar seu blog em poucos minutos e já começar a usar;
  • Você não precisa gastar absolutamente nada para ter seu blog;
Desvantagens do WordPress.com
  • Não é possível criar um tema personalizado;
  • Não permite o uso de plugins;
  • Não é possível adicionar banner de publicidade do seu Google AdSense, por exemplo;
  • Não é possível adicionar nenhum código JavaScript;
  • Existem anúncios que serão exibidos no seu blog e a renda é toda dos desenvolvedores do WordPress.com, você não ganha nada com ele;

Na minha opinião essa é uma ótima ferramenta para quem que criar um blog mais pessoal, que não tenha planos de obter renda com ele, tenha pouco ou nenhum conhecimento em programação e, claro, não queira gastar dinheiro com a criação do blog.

Sobre o WordPress.org

O WordPress.org oferece o download gratuito do software (sob licença GPL) para criação do blog. Eles não fornecem hospedagem gratuita, como é feito no WordPress.com, mas sim os arquivos que serão necessários para a criação do seu blog WordPress no servidor de sua preferência. E é aí que muitas pessoas ficam completamente perdidas depois de fazer o download, pois você não terá logo de cara um login e uma senha para acessar e já sair usando seu blog. Você vai precisar ter uma hospedagem e, em seguida, fazer a instalação da plataforma. Para quem não tem conhecimento técnico, talvez seja preciso perder algumas horas de busca pela internet para te auxiliar ou recorrer a um profissional.

Com relação ao layout, no WordPress.org existem milhares de temas gratuitos, pagos e você também pode criar (ou contratar um profissional para criar para você, se precisar pode me gritar! rs) um layout totalmente seu e do jeito que você quiser. O blog é totalmente seu e, se estiver em uma hospedagem particular, não corre o risco de alguém tirar ele do ar sem você ser avisado alegando que você não cumpriu as regras e políticas do site. Lógico que temos que ter precauções para que ninguém roube a sua senha na maldade e acabe com seu blog. Mas tomando os cuidados, normais de qualquer conta, como fazer backup e alterar as senhas periodicamente, os riscos são praticamente zero.

A primeira hospedagem que contratei foi a do UolHost, mas muitos problemas de instabilidade começaram a acontecer e eles não conseguiram resolver, sem falar que eles tinham valores limitados de espaço e um custo mais elevado. Acabei pesquisando e cheguei a conclusão que a Hostgator tinha o melhor custo benefício para mim, tem espaço e tráfego ilimitados é bem mais estável e, então resolvi migrar. Desde então nunca mais tive nenhum tipo de problema com minha hospedagem, sem falar que todo processo de migração foi feito pelo suporte técnico deles gratuitamente.

Mas também é possível fazer uso de uma hospedagem gratuita, existem diversas empresas que fornecem servidores que suportam o uso do wordpress. Porém, como a demanda é bem alta, vários problemas de instabilidade ou perda de arquivos podem ocorrer.

Alguns serviços de hospedagem (principalmente as hospedagens gratuitas) fornecem um subdomínio para que você use no seu blog com o domínio deles. Com isso, você não precisa contratar um domínio e o WordPress.org sairia totalmente gratuito também. O problema, como falei anteriormente, é que esses serviços de hospedagem gratuito geralmente são bastante instáveis e você corre o risco do serviço deixar de existir e você perder todo seu blog sem ser avisado.

Vantagens do WordPress.org
  • Possibilidade de criar temas do zero e completamente personalizados;
  • Possibilidade de modificar temas gratuitos para personalizar do seu modo;
  • Permite o uso de plugins;
  • Depois de tudo instalado, o painel é bem simples e fácil de usar;
  • É possível rentabilizar seu blog com Google AdSense e programas de afiliados e essa renda será totalmente sua;
Desvantagens do WordPress.org
  • É necessário ter uma hospedagem para uso do blog e as mais estáveis são pagas;
  • É necessário um pouco mais de conhecimento para fazer a instalação dos arquivos no servidor;
  • Você que terá que fazer todas as atualizações que surgirem, mas não é nenhum bicho de sete cabeças;

Diferença entre wordpress.com e wordpress.org, wordpress, wordpres.com, wordpres.org, wordpress .com ou .org, wordpress.com ou wordpress.org

Concluindo

Falando um pouco sobre os valores, no WordPress.com na versão gratuita você não gasta nada, porém possui muitas limitações. Já na versão Premium é pago um valor de $99 por ano (algo em torno de R$380,00 anual) você tem um pouco mais de espaço, mas ainda tem muita limitação. Na versão negócios é pago um valor de $299 por ano (algo em torno de R$1150,00 anual) para ter espaço ilimitado, acesso aos temas premium, mas continua com algumas limitações com relação a customização. E, até onde eu pesquisei, em nenhuma das versões do wordpress.com é possível monetizar o blog. Se eu estiver errada me avisem nos comentários.

Já no WordPress.org você pode contratar hospedagens na média de R$10,00 a R$20,00 por mês. Eu pago R$15,00 mensais na Hostgator, o que dá R$180,00 por ano, mais um valor aproximado de R$40,00 do domínio por ano. Dando um total de R$220,00 por ano e um blog totalmente customizado com infinitas possibilidades. Ou seja, um blog no WordPress.org pode sair bem mais barato que a versão premium do WordPress.com.

O que pode acabar pesando um pouco para a maioria das pessoas é o fato de ser um pouco mais difícil fazer personalizações no WordPress.org e precisaria contratar um profissional para fazer o trabalho. Mas hoje em dia existem diversos modelos base de tema para o WordPress.org disponíveis para download gratuitos na internet e também existem profissionais que estão entrando no mercado e que possuem preços mais baixos também. Tudo é uma questão de pesquisar e adaptar para nossa realidade.

No meu ponto de vista, se você quer um blog apenas para hobbie, não quer gastar dinheiro algum com ele e não tem intensão em ganhar dinheiro monetizando seu blog, o WordPress.com é uma opção muito boa sim, mas sugiro que leia sobre o Blogger que também é gratuito antes de tomar sua decisão. Se você esta pensando em criar o blog para se tornar uma profissão, para sua empresa ou até mesmo por hobbie, mas quer algo com mais possibilidades e mais profissional, o WordPress.org é a melhor escolha.

Você usa alguma dessas plataformas? Me conta nos comentários e me diz o que acha dela?

Faça parte do clubinho do Amor

Um bate papo onde trocamos dicas, presentes e muita coisa legal no seu e-mail. Fique tranquilo que eu também odeio spam, e não vou te mandar nenhum, tá? Se inscreve aí!

Compartilhe: 3 Amaram
Veja também

Comenta aí, vai!

  1. jan 28, 2016

    […] Essa é uma dúvida muito frequente e esse post foi muito pedido quando eu publiquei as principais diferenças entre o WordPress.com e o WordPress.org aqui no […]

  2. jan 15, 2016

    Achei uma graça seu post e eu nem sabia que existiam dois WordPress.

    Acho que pra esse início o WordPress.com seria melhor pra mim, mas tenho vontade de ganhar dinheiro com o BLOG. É muito difícil usar o WordPress.org?

    Gratidão pela postagem.

    Bons Ventos!

    • fev 01, 2016

      São dois sim Tina!
      Eu achei muito simples usar o wp.org e acredito que quem já use o Wp.com não tenha tanta dificuldade assim em se adaptar.
      O que é mais difícil nele é a parte técnica de criação de temas e etc.
      Mas a parte de criação de posts e administração do blog é bem tranquila.

  3. dez 03, 2015

    Agradeço imensamente pelo seu post Bru!! Ele sanou muitas das minhas dúvidas, mas confesso que ainda estou insegura de migrar para o wordpress.com, porque não manjo muito de domínio e hospedagem.

    Mas dentre todas postagens sobre o assunto que eu li, a sua é a melhor de todas!!
    E seu blog é lindo!! Beijos
    Andressa Waleska postou recentemente: Pray for Our World

    • dez 15, 2015

      Andressa, o wordpress.com é o que não precisa de hospedagem.
      O que você vai precisar de hospedagem é o .org! Se quiser migrar e precisar de ajuda, pode me chamar viu?
      Eu trabalho com isso também, então pra mim já esta bem tranquilo!

  4. dez 02, 2015

    Eu uso o WordPress.org e acho incrível ~ mas realmente tem que ter um certo conhecimento para fazer as alterações.
    Camila Faria postou recentemente: Desejo do dia: Mini geladeira

  5. dez 02, 2015

    primeiro de tudo, parabens pelo post. super simples de entender e muuito completo. imagino a trabalheira que deu para escrever!

    eu ainda uso o blogger e ainda que ele tambem tenha suas limitações, por enquanto ele tem atendido bem minhas necessidades! veremos daqui para frente.. beeijos :**
    Lorraine Faria postou recentemente: Mão na massa: Quiche de milho e alho poró

    • dez 15, 2015

      Eu usei o blogger por muitos anos e me supriu super bem Lorraine!
      Embora ele tenha sim algumas limitações, ele ainda é uma das melhores plataformas.

  6. dez 02, 2015

    Nossa, eu não sabia que eram diferentes!!! o.0 Mais foi muuuuuito útil eu saber disso!!!! futuramente pretendo comprar um domínio, e é bom saber qual é melhor!!!
    obrigado por este post!!
    Bjinhos 😉
    tassianeblog.wordpress.com/

    • dez 15, 2015

      São bem diferentes sim Tassi! Que bom que o post vai poder te ajudar na sua escolha no futuro!

  7. dez 02, 2015

    No início eu também não entendia muito bem não a diferença entre os dois, mas desde que sei da existência do wordpress.com que eu já sabia que quando eu fosse ter um blog novamente, seria nessa plataforma. E foi mesmo, e como amei viu?! ♡ Mesmo com suas limitações ele é maravilhoso, e agora usando o .org então é só amor eterno! HAHAH Seu post ficou maravilhoso e muito completo, parabéns! Beijoos linda ♡
    Vanessa Bayer postou recentemente: Filmes assistidos em Novembro

    • dez 15, 2015

      Eu tenho amor eterno pelo wp.org, Vanessa!! Melhor coisa que fiz pro blog esse ano foi migrar pra cá!

  8. dez 02, 2015

    Super útil e completo este artigo!

    Beijinhos ♥
    http://lovingmypinkbubble.blogspot.pt/

  9. dez 02, 2015

    Bru, eu já usei o blogspot, wordpress.com e atualmente uso o wordpress.org.
    É realmente diferente e eu, sem dúvidas prefiro o wordpress.org, até porque quando eu comecei eu usava uma hospedagem gratuita do Hostinger, que aliás é muito boa. Sem contar todas as funcionalidades que o Worpress.org trás, o único ponto negativo que vejo são as poucas opções de layouts, já que no blogspot tem inúmeras.

    Gostei do post 😀

    Beijos :*
    Bianca Evelyn postou recentemente: Freebie: Wallpapper {dez/2015}

    • dez 15, 2015

      Bianca é verdade, comparado ao blogger tem menos layouts gratuitos. Mas as funcionalidades são muito melhores na minha opinião, o que acaba compensando.
      E hoje em dia já tem uma quantidade bem maior de designers que fazem layout para wp com preços mais camaradas que antigamente.

  10. dez 02, 2015

    Que bacana esse post! Eu realmente não fazia ideia de que existiam dois tipos de WordPress. =P

    Beijo!
    Pathy Guarnieri postou recentemente: Mimadinha – Dote

    • dez 15, 2015

      Pois é Pathy, muita gente não sabe mesmo e acabam ficando confusos!

  11. dez 01, 2015

    Garotaaaa! Falou tudo o que eu estava a um tempão tentando entender, hahaha! Eu uso o wordpress.com, e encontro sempre um monte de barreiras em plugins e etc…
    Será que eu consigo migrar do .com pro .org sem perder os conteúdos que já tenho?
    Julieth Silva postou recentemente: Maquiagem inspirada na Rihanna

    • dez 15, 2015

      Julieth acredito que consiga migrar sim! Como nunca usei o wordpress.com não consigo te responder com certeza, mas já conheci alguns blogs que migraram sim.
      Só não sei te responder se perde alguma coisa, como comentários ou algum conteúdo.

  12. dez 01, 2015

    Este post foi bastante útil, obrigada!

    Eliana,
    http://around-eliana.blogspot.pt/

  13. dez 01, 2015

    Adorei as dicas flor, o post esta super bem explicadinho, queria a comparação entre o wordpress e blogger, sempre usei o blogger, por ser em português e por falarem que é mais fácil de mexer nele, mais queria saber se é realmente isso.
    Beijos

    Blog Segredos da Cáh
    Instagram
    Facebook
    Canal do You Tube

    • dez 01, 2015

      A comparação do wordpress com o blogger vai vir ainda Camila!
      Só não coloquei o blogger nesse post porque senão ficaria imenso e super cansativo!
      Mas ele virá em breve, já está na minha listinha desse mês.

  14. dez 01, 2015

    Muito boa a tua postagem!
    Eu já tinha um pouco de noção da diferença entre eles, mas confesso que mais a fundo não. Eu comprei o meu domínio e hospedagem a um mês, mas como não fui eu que fiz a migração acho que ainda estou com o .com, mas um amigo meu ficou de verificar e se precisar vai migrar pro .org 😀
    Entre todas as que li sobre o assunto, achei a tua postagem a melhor de todas, parabéns.

    beijos
    Camila postou recentemente: Resenha: Escolha sua vida

    • dez 01, 2015

      Eu tinha o meu blog antigamente no blogger e migrei para o .org e não me arrependo nem um pouco Camila!
      Você vai adorar ele. No começo algumas pessoas estranham, mas ele é bem simples de usar depois que acostuma.
      Se precisar de ajuda pode gritar por aqui também!

  15. dez 01, 2015

    Olá Bru tudo bem???

    Não sabia dessas diferenças… Começo a achar que talvez teria sido melhor eu ter optado pelo .org!!!

    Beijinhos;
    Débora.
    http://derbymotta.blogspot.com.br/
    https://vamosprovar.wordpress.com/

    • dez 01, 2015

      Depende muito do que você quer como finalidade pro seu blog, Debora.
      E ainda tem o blogger que ainda não falei nesse post porque se não ficaria muito grande.
      E se você chegar a conclusão que escolheu a plataforma errada pra você, também não é motivo de desespero. A maioria das plataformas tem como migrar para outra.